facebook youtube

Agenda

Abertura de NERVO ÓPTICO: 40 ANOS na Sala dos Pomares

A FVCB inaugura no próximo sábado, 1º de abril a exposição Nervo Óptico: 40 anos. A mostra celebra as 4 décadas da publicação do cartazete Nervo Óptico: publicação aberta a divulgação de novas poéticas visuais. Saiba mais sobre o evento, aqui.

 

Abertura da exposição Nervo Óptico: 40 anos

Depois de uma temporada no Centro Cultural São Paulo (2016/2017), a exposição ganha inédita configuração, especialmente pensada para o espaço expositivo da FVCB.

Transporte gratuito para abertura

Para o dia da abertura, a FVCB disponibilizará transporte gratuito POA –Viamão – POA, em dois horários: às 11h e às 14 horas, com saída em frente ao Theatro São Pedro (Praça da Matriz – Centro). É necessária inscrição prévia, por telefone ou e-mail: (51) 3228-1445 | (51) 98498-5994 | info@fvcb.com

Conversa com a curadora

Integrando a programação educativa que acompanha a mostra, o primeiro encontro do Curso de Formação Continuada em Artes será com a curadora Profª Drª Ana Albani de Carvalho, no evento de inauguração. A atividade inicia às 10h e é aberta ao público interessado. A entrada é franca.

Abertura da exposição Nervo Óptico: 40 anos

Curadoria: Ana Albani de Carvalho

1° de abril de 2017, sábado, das 11h às 17h

Sala dos Pomares – FVCB – Viamão/RS.

Visitação: de 1° de abril a 22 de julho de 2017, de segunda à sexta-feira, das 14h às 17h 30.

Informações: fvcb.com | facebook.com/fvcbarcellos | @fvcb_oficial

Exposição fotográfica de Vera Chaves Barcellos no Paço Imperial, no Rio de Janeiro

Em março, o Centro Cultural Paço Imperial inaugura Fotografias, manipulações e apropriações, exposição individual de Vera Chaves Barcellos.

Fotografias, manipulações e apropriações apresenta uma seleção de trabalhos, feita pela própria artista, abrange um recorte temporal de mais de quatro décadas de sua produção criativa, ancorada na utilização estética, crítica e reflexiva da imagem fotográfica. O público poderá conferir séries sequenciais de imagens que instigam a percepção do espectador para um exercício de visualidade mais amplo, sistêmico e crítico.

A exposição apresenta obras representativas dos diversos modos de utilização do emprego da cor e da imagem fotográfica – entre manipulações e apropriações – experimentados pela artista desde os anos 1970 até a atualidade. Assim, simples registros fotográficos – ora mostrados como tal, ora manipulados – assim como imagens coletadas da mídia impressa, televisiva e da internet, geram séries sequenciais que, expandidas e reconsideradas pelo pensamento visual da artista, originam e estimulam ângulos inéditos de relacionamento com a fotografia.

Vera Chaves Barcellos | Fotografias, manipulações e apropriações
Organização Vera Chaves Barcellos
Centro Cultural Paço Imperial | Praça XV de Novembro, 48 – Centro
Rio de Janeiro – RJ
Abertura: 16 de março, 18h 30
Visitação: 16 de março de a 21 de maio de 2017
Horário de Funcionamento: de terça a domingo, das 12h às 19h.

Silvio Nunes Pinto na Sala dos Pomares

No segundo semestre de 2016, a Fundação Vera Chaves Barcellos apresentou a mostra Silvio Nunes Pinto: Ofício e Engenho, com organização de Marcela Tokiwa e Vera Chaves Barcellos.

Devido ao êxito da exposição, a mostra pode ser visitada na Sala dos Pomares até o dia 17 de fevereiro de 2017. As visitas devem ser feitas mediante agendamento, pelo e-mail: educativo@fvcb.com

FVCB | Boas Festas

O Centro de Documentação e Pesquisa, o setor de Projetos, o setor Educativo e o setor de Comunicação estarão em férias entre 26 de dezembro e 24 de janeiro de 2017. Dia 25 de janeiro retornaremos a nossas atividades.

 

Visita Mediada à exposição SILVIO NUNES PINTO: OFÍCIO E ENGENHO

No próximo sábado, 17 de dezembro, a FVCB promove visita mediada à exposição Silvio Nunes Pinto: Ofício e Engenho. Para o evento, a Fundação oferece transporte gratuito POA –Viamão – POA, com saída às 14 horas, em frente ao Theatro São Pedro (Praça da Matriz – Centro de Porto Alegre). Saiba mais.

Em exibição na Sala dos Pomares desde agosto deste ano, Silvio Nunes Pinto: Ofício e Engenho, mostra organizada pela artista Vera Chaves Barcellos e pela arquiteta Marcela Tokiwa, apresenta ao público a obra de um artista autodidata de elevada originalidade. Os trabalhos ultrapassam as tradicionais categorias artísticas, transitando entre a arte popular, o design e a artesania.

Silvio Nunes Pinto: Ofício e Engenho. Sala dos Pomares. Foto: Leopoldo Plentz.

Morto em 2005, Silvio Nunes Pinto nasceu em 1940, no município de Viamão. Pertencendo a uma família numerosa (Silvio tinha oito irmãos), o artista não teve oportunidade de concluir uma educação formal. Filho de pai trabalhador rural, tal como o pai, Silvio também trabalhou no campo e como um dos seus irmãos, foi jogador de futebol amador em dois clubes

Conforme a artista Vera Chaves Barcellos, não existem registros precisos sobre o que teria impulsionado Silvio, a partir dos anos 60, a ingressar no campo da criação manual nos anos ´60. Trabalhou durante vários de seus últimos anos, a partir do inicio dos anos 1990, em uma pequena casa, de cerca de 10m2, junto à moradia de sua família (mãe, irmãs e irmãos), onde continuou sua produção, iniciada décadas antes.

Somente após a morte do artista, que Vera Chaves Barcellos, prevendo a eventual dispersão do conjunto de obras, propôs a aquisição de todas as peças mantidas em seu local de trabalho. Vera conta que Foi nesse momento, quando entramos pela primeira vez em seu espaço de trabalho, abarrotado de esculturas e objetos os mais diversos, peças de mobiliário, equipamentos e instrumentos utilizados em seu oficio de artesão, que ficamos cientes do volume, da diversidade e da riqueza de imaginário de que sua obra era portadora.

Para a visita mediada, a Fundação oferece transporte gratuito POA –Viamão – POA, com saída às 14 horas, em frente ao Theatro São Pedro (Praça da Matriz – Centro de Porto Alegre). As inscrições para a atividade devem ser feitas por e-mail: info@fvcb.com ou pelos telefones: (51) 3228 -1445 | (51) 98102-1059.

A mostra reúne desde pequenas peças como abotoaduras e pingentes de madeira até peças de mobiliário como mesas, estantes e armários; além de cadeiras esculpidas e esculturas de animais, pássaros e mamíferos, figuras humanas além de uma série completa de veículos militares e figuras do mundo rural.

Visita Mediada à exposição Silvio Nunes Pinto: Ofício e Engenho

Quando: dia 17 de dezembro de 2016
Horário: das 15h* às 16h 30 min
Local: Sala dos Pomares, Fundação Vera Chaves Barcellos, Avenida Senador Salgado Filho, 8450, parada 54, Viamão, RS.
Evento no facebook: http://bit.ly/2gHd9NZ

Experiências Compartilhadas: Último encontro do Curso de Formação Continuada em Artes será dedicado à apresentação de projetos

O último encontro da 12ª edição de Curso de Formação Continuada em Artes será no dia 03 de dezembro, às 9h, na Casa Rural, sede da Secretaria Municipal de Educação de Viamão.

Os participantes apresentarão os projetos realizados a partir das visitas à exposição Silvio Nunes Pinto: Ofício e Engenho e dos encontros do Curso. Será uma ocasião para trocar experiências e avaliar os desdobramentos pedagógicos das atividades envolvendo arte e educação.

03/12 (sábado)  -  6° Encontro 
Apresentação de Projetos com o Programa Educativo da FVCB | Silvio Nunes Pinto
Horário: 09h às 12h.
Local: Casa Rural  - Sede da Secretaria Municipal de Educação de Viamão – Calçadão Tapir Rocha, 49  - Bairro Centro, Viamão/RS.

FVCB apresenta no CCSP a exposição “Nervo Óptico: 40 anos”

No dia 19 de novembro, às 15 horas, a Fundação Vera Chaves Barcellos (FVCB) inaugura no Centro Cultural São Paulo (CCSP) a exposição “Nervo Óptico: 40 anos”. 2016 é o ano em que completam-se 40 anos da exposição Atividades Continuadas realizada no MARGS em 1976, mostra que, juntamente com a publicação do chamado Manifesto, deu origem ao Nervo Óptico.

Com curadoria de Ana Albani de Carvalho, a mostra apresenta trabalhos de Carlos Asp, Carlos Pasquetti, Clovis Dariano, Mara Alvares, Telmo Lanes e Vera Chaves Barcellos - em obras de época e em versões recentes. O público também poderá conferir  documentos e registros fotográficos do período de atuação do grupo.

(da esquerda para direita: Romanita Disconzi, Telmo Lanes, Carlos Pasquetti, Carlos Asp, Clóvis Dariano, Vera Chaves Barcellos, Mara Alvares e Jesus Escobar – ao fundo). Os artistas Romanita Disconzi e Jesus Escobar fizeram parte das atividades antecedentes à consolidação do grupo.

Responsável por uma intensa renovação no circuito artístico, o título Nervo Óptico abrange as ações do coletivo de artistas desde o lançamento do texto-Manifesto em 1976, passando pelos cartazetes e pelas exposições realizadas até 1978, ano em grupo se desfaz.

“Publicação aberta a novas poéticas visuais” o cartazete Nervo Óptico teve distribuição gratuita no Brasil e no exterior – aos moldes da arte postal – entre abril de 1977 e setembro de 1978, com tiragem de cerca de mil exemplares. Cada edição apresentou um trabalho desenvolvido especificamente por um artista, integrante do grupo idealizador ou convidado.

Nervo Óptico: 40anos integra a III Mostra do Programa de Exposições 2016. O projeto foi selecionado pela Curadoria de Artes Visuais do CCSP, coordenada por Marcio Harum.

“Nervo Óptico: 40 anos” é um convite para conferir a potência artística e a contemporaneidade do projeto Nervo Óptico.

Nervo Óptico: 40 anos
Visitação: de 19 de novembro a 12 de março de 2017, de terça a sexta, das 10h às 20h; sábados, domingos e feriados das 10h às 18h.
Onde: Rua Vergueiro | 1000 Paraíso, São Paulo – SP.
Informações: (11) 3397-4002
Contato:
[+] ccsp@prefeitura.sp.gov.br
[+] https://www.facebook.com/CentroCulturalSaoPaulo

 

Wilson Cavalcanti é o artista convidado da 12ª edição do Curso de Formação Continuada em Artes

O artista Wilson Cavalcanti, o Cava participa do 5° encontro do Curso de Formação Continuada em Artes da FVCB, neste 05 de novembro, sábado.

A 12ª edição do Curso de Formação Continuada em Artes, programação educativa da Fundação Vera Chaves Barcellos realizada em parceria com a Secretaria Municipal de Educação de Viamão, entra em seus encontros finais.

No próximo sábado, 05 de novembro, o artista Wilson Cavalcanti participa mais uma vez das atividades da programação da FVCB. Em setembro deste ano, Cava ministrou uma oficina de gravura na Feira Literária de Viamão. Intitulado Nós da Madeira, o evento promoveu uma experimentação de diferentes técnicas de gravura, especialmente, a xilogravura, que consiste na gravação de imagens em matriz de madeira. O título da oficina fazia referência ao trabalho de Silvio Nunes Pinto, exposto atualmente na Sala dos Pomares, em grande parte, realizado também em madeira.

(Crédito fotográfico: Comunicação Prefeitura de Viamão)

Desta vez, o artista participa dos encontros que ocorrem na Casa Rural, sede da Secretaria Municipal de Educação. No encontro, Cava apresentará questões sobre a técnica xilográfica, sua trajetória e seu processo criativo. Os participantes poderão fazer gravuras em diferentes suportes, possibilitando, a partir do aprendizado da técnica, a abordagem em sala de aula.  Direcionado a educadores de todas as áreas de conhecimento, o encontro tem entrada franca e é também  aberto ao público interessado. Informações e inscrições, pelo telefone (51) 8229-3031 e pelo e-mail: educativo@fvcb.com

5º Encontro do Curso de Formação Continuada em Artes A trajetória, a obra, o ateliê – Encontro com Wilson Cavalcanti

Quando: 05 de novembro de 2016, sábado.

Horário: 9h às 12h.

Local: Casa Rural – Sede da Secretaria Municipal de Educação de Viamão/RS Calçadão Tapir Rocha, 49, Bairro Centro, Viamão/RS.

Sobre o artista

Wilson (Cava) Cavalcanti nasceu em Pelotas em 1950. Atualmente, é professor de arte no Atelier Livre de Porto Alegre, onde ministra os cursos de desenho e gravura. Dentre os cursos que realizou, destacam-se: Desenho e Gravura em Metal com Paulo Peres no Atelier Livre da Prefeitura de POA/RS; Gravura em Metal com Assunção Souza na Universidade de Minas Gerais BH/MG; Curso de Litografia com Danúbio Gonçalves no Atelier Livre da Prefeitura de POA/RS; Gravura com Marília Rodrigues e Romildo Paiva e Litografia com Otávio Pereira. Recebeu prêmios, como o Prêmio Açorianos Destaque em Gravura e na Mostra de Gravura de Curitiba. As obras de Cava integram o acervo de diversas instituições, dentre elas o Museu de Arte Contemporânea do Paraná, o Museu de Arte do Rio Grande do Sul Ado Malagoli e a Fundação Vera Chaves Barcellos.

Paula Ramos no Curso de Formação Continuada em Artes

Neste sábado, 22 de outubro, das 9h às 12h, o Programa Educativo da FVCB, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação de Viamão, promove a palestra Cotidiano, Fantasia e Engenho na Arte Popular Brasileira, com a historiadora da arte Paula Ramos. Saiba mais sobre o encontro, aqui.

No encontro, Paula Ramos apresentará um amplo panorama da arte popular do Brasil estabelecendo relações com as criações de Silvio Nunes Pinto, atualmente em exibição na Sala dos Pomares.

A atividade integra a 12ª edição do Curso de Formação Continuada em Artes, programação educativa da FVCB, realizada em parceria com a Secretaria Municipal de Educação de Viamão, direcionada a educadores de todas as áreas do conhecimento.

Gratuita, a palestra é também aberta ao público interessado.

Informações e inscrições:
[+] educativo@fvcb.com
[+] (51) 8229-3031.

3° Encontro do Curso de Formação Continuada em Artes

Neste sábado, 08 de outubro, acontece o 3° Encontro do Curso de Formação Continuada em Artes.

A Fundação Vera Chaves Barcellos através do seu Programa Educativo visa aproximar professores e estudantes à produção artística, estimulando a reflexão e o conhecimento por meio de experiências com a arte contemporânea. Além das visitas mediadas, integra o Programa o Curso de Formação Continuada em Artes, iniciativa realizada em parceria com a Secretaria Municipal de Educação de Viamão.

Neste sábado, 08 de outubro, acontece o 3ª Encontro do Curso, no qual Margarita Kremer, coordenadora do Programa, realizará aconselhamento para a elaboração e produção de projetos educativos a partir da mostra Silvio Nunes Pinto: Ofício e Engenho.

Serão apresentados projetos realizados por professores que participaram da Formação Continuada em edições anteriores, e ainda serão debatidas possibilidades de abordagem dos conteúdos relacionados à exposição, em diálogo transversal com os conteúdos disciplinares.

08/10 (sábado) – 3º Encontro

Aconselhamento de Projetos com o Programa Educativo da FVCB.

Horário: 09h às 12h.

Local: Casa Rural – Sede da Secretaria Municipal de Educação de Viamão/RS Calçadão Tapir Rocha, 49, Bairro Centro, Viamão/RS.